ESTA FIRMA FOI FUNDADA EM 31-12-2004.

sexta-feira, julho 06, 2007

Post sonoro 10

endereço para o envio de faixas gravadas:
peciscas@gmail.com

para eventual ajuda técnica, clicar na imagem "posts sonoros" ali na barra lateral



essencial ligar as colunas e regular o som

Etiquetas:

quinta-feira, julho 05, 2007

Será que...

Será que o letreiro terá algo a ver com as "cavaladas" que diariamente se praticam aqui e noutras rotundas em que o país é pródigo, por absoluto e elementar desconhecimento das regras de circulação nestes locais, que abrange uma parte considerável dos luso-condutores?

foto Peciscas

foto Peciscas

Etiquetas:

quarta-feira, julho 04, 2007

A bronca do dia...

Ando seriamente a pensar em criar outro blog, com o título "A Bronca do Dia".

De facto, à velocidade com que os nossos governantes tomam decisões insólitas ou proferem declarações mais ou menos surpreendentes (para não usar um termo mais duro), não teria a mínima dificuldade em postar diariamente.

Agora foi a vez do Ministro Jaime Silva.

Acometido pelos pescadores em Matosinhos, que se lamentavam do estado em que essa indústria se encontra e referindo a sua convicção de que nada tinham lucrado com a entrada na UE, após fitar o homem que o interpelava, aquele alto responsável saiu-se com esta, exibindo um ar sobranceiro :

-"É época para abandonar a União Europeia".

Etiquetas:

terça-feira, julho 03, 2007

Recantos 6

Na grande cidade, vestígios abandonados de um passado não muito distante...


foto Peciscas

Etiquetas:

segunda-feira, julho 02, 2007

Não me levem a mal

Na blogosfera, como acontece em outros locais, as modas também influenciam o que se vai passando.
Quando eu cheguei, estavam na moda as votações, as eleições. Era o melhor blog da semana, o melhor blog temático e por aí fora.
Eu próprio, também alinhei um pouco nessa moda, ao promover uma votação para o nickname do ano…
Essa moda parece ter passado, mas outras se seguiram. Por exemplo, a dos desafios, que é suposto passarem em corrente. E agora, os prémios. Com tomates, com grelos, pensativos, maravilhosos (7) e por aí fora, há de tudo um pouco.
E nestas coisas de correntes, existe sempre o risco de nomeações repetidas ou a dificuldade de se continuar a série, pois, muitas vezes, quem se poderia escolher, já foi escolhido. Não falando na vulgarização, e, por isso mesmo, na diminuição do significado desses “troféus”.
Por isso, gostaria de expressar aqui a minha dificuldade em continuar este tipo de propagações.
Que não me leve a mal quem, atribuindo-me qualquer dessas distinções ou passando-me solicitações para responder a inquéritos, testes ou algo de semelhante, não me vir corresponder.
Não será por falta de amizade ou por sobranceria, mas sim pelos motivos que acabo de expor.
Continuarei, entretanto aberto, à possibilidade de responder a desafios que impliquem o uso da criatividade, designadamente no domínio da escrita ou da imagem, tal como, por exemplo, tem acontecido com os que o Tó-Zé, nos tem colocado.
Espero que me compreendam.

Etiquetas: