ESTA FIRMA FOI FUNDADA EM 31-12-2004.

sexta-feira, janeiro 20, 2006

LETREIROS

Há por aí estebelecimentos comerciais, com nomes bem curiosos.
Recolhi, em imagens, alguns exemplos, referentes à zona do Grande Porto:








Para terminar, este, particularmente dedicado ao amigo Manel da Póvoa


quinta-feira, janeiro 19, 2006

Nunca se deve entregar a roda do leme, sem que se tenham os devidos cuidados e se pondere bem a escolha.

foto PECISCAS

É que, depois, adianta pouco vir carpir mágoas sobre a areia.

foto PECISCAS

quarta-feira, janeiro 18, 2006

SALVATORE ADAMO, diz-lhe alguma coisa?


Aqui há dias o Manel do Pé de Meia evocava os anos sessenta, as bandas de garagem, os bailes com os meninos de gravata e as meninas de mini-saia.
Nesses anos 60, um dos artistas que andou por aí nos top era Salvatore Adamo, francês de origem siciliana, que cantava canções românticas com voz delicodoce e arrastava multidões de jovens fãs.
Em Portugal, um dos seus maiores sucessos foi "Mes mains sur tes hanches" que as estações de rádio passavam diariamente.
Como acontece com a maioria das estrelas do mundo do espectáculo, a sua aura desvaneceu-se. Mas, pelo menos, ainda vai cantando. De outros, perdeu-se o rasto.
Quer isto dizer que há êxitos episódicos que, no fundo, são sacos cheios de vento que se esvaziam rapidamente.
Há por aí uns meninos que, de momento, estão a gozar da sua grande oportunidade, enchendo salas, tudo como consequência de uma telenovela que caiu bem no seio dos adolescentes deste país. Atrevo-me a prever que, daqui por algum tempo, não passarão de uma mera recordação ou nem isso.
É claro que os artistas de corpo inteiro, muitas vezes sem conhecerem os grandes sucessos que outros num dado momento conseguem, perdurarão e ficarão na história.
Mas isso, é mesmo outra história...

terça-feira, janeiro 17, 2006


Durante algumas semanas alimentei, neste espaço uma blague, que consistia em apresentar a minha candidatura à Presidência.
Nunca disse concretamente a que tipo de Presidência concorria, mas, no fundo, o que eu queria significar, nas entrelinhas do tom jocoso que aqui sempre se usou, é que, para além dos políticos oficiais e profissionais, "há mais mundo!". E que seria muito interessante que um dia aparecesse um candidato, cidadão anónimo e nunca antes visto, a ser eleito como representante de um povo que paga impostos ou tenta fugir deles, sofre ou goza, ri com anedotas de políticos ou de louras, insulta o árbitro ou demite o treinador.
Será utópico pensar-se que um dia isso poderá mesmo ser realidade?
Ou estaremos eternamente condenados a ter que escolher entre as personagens que as máquinas partidárias atiram para a frente da ribalta?
Veja-se o caso da cerca de meia dúzia de cidadãos que tentou, em vão, concretizar a candidatura e já se vê, que fora dos círculos habituais, tudo se torna esmagadoramente difícil.
Agradeço aos amigos e amigas que se dipuseram a alinhar nesta aparentemente inocente brincadeira, percebendo a metáfora que lhe estava subjacente.
E, agora, pronto!
Terminada a blague, continua o blogue!

segunda-feira, janeiro 16, 2006


Terminada a MEGA SONDAGEM PRESIDENCIAIS, a única que poderá ser considerada como imparcial e credível, há uma ilação evidente a retirar dos números finais:
PECISCAS É ELEITO, À PRIMEIRA VOLTA, COM MAIS DE 53% DOS VOTOS.
Por isso mesmo, aconteça o que acontecer no próximo Domingo, considero que o lugar, por direito próprio, já é meu.
Assim, a votação quer irá decorrer terá apenas um valor meramente oficial porque, moralmente, GANHEI EU!
De qualquer modo, não deixa de ser curioso que, nesta sondagem o Professor Bolo-Rei (a partir de Sábado passado talvez passe a ser chamado por Professor Careta) obtém um honroso 2º lugar, com quase 14%. O Poeta Contente, a seguir, com cerca de 8% bate totalmente o Senior Eterno que, pasme-se, não obteve um único voto. Travolta Operário, Doutor Super Block e Casal Garcia, ficam empatados com 2,5%.
Mas, atenção: um pouco mais de 10% afirma, categoricamente, em relação a estas eleições "quero lá saber !" e 5% que votaria noutro(a) gajo(a) qualquer.
Será que estes números terão algum tipo de confirmação no Domingo?
Veremos!