ESTA FIRMA FOI FUNDADA EM 31-12-2004.

sexta-feira, outubro 23, 2009

Fim de tarde outonal na praia de Matosinhos

foto Peciscas

Etiquetas:

quinta-feira, outubro 22, 2009

Se queres ler de borla...( ou um post preguiçoso...)

quarta-feira, outubro 21, 2009

Ele há cada uma!...

Encontrei esta declaração, um destes dias, no JN.
Tudo leva a crer que ela terá a ver com um qualquer processo de heranças.


Mas vejam bem que o "presumível" defunto José, feitas as contas, teria neste momento mais de ...143 anos.



Será que esta ideia saíu da cabeça dos "declarantes", de um sabedor advogado ou será mesmo uma obrigação da Justiça?


Seja como for, lá que é bizarro, lá isso é!...

Etiquetas:

segunda-feira, outubro 19, 2009

Queremos ter futuro?

O Presidente das Maldivas, num acto simbólico mas cheio de significado, convocou uma reunião do seu gabinete, realizada sob o mar, a quatro metros de profundidade.
Assim, pretendeu chamar a atenção para o aquecimento global do planeta e consequente subida das águas que, a não ser travado, submergirá o arquipélago das Maldivas constituído por 1192 ilhas (de que tanta gente ouve falar por ser um apreciado destino de férias).
E isso acontecerá até ao final do século (que é já ali...) a não ser que sejam tomadas medidas drásticas e urgentes para travar as emissões de CO2.
Em dezembro, em Copenhaga, vai decorrer um Congresso da ONU sobre o Ambiente, que poderá ser decisivo para o nosso futuro colectivo.
Serão as grandes potências mundiais que terão de ultrapassar as meras declarações "para a fotografia" e passarem aos actos efectivos e consistentes de defesa do ambiente.
Mas, nós, cidadãos anónimos, poderemos fazer algo. Quanto mais não seja, engrossarmos um largo movimento de opinião que pressione os decisores a ganharem consciência do dramatismo da situação.

No dia 24 de Outubro, o Movimento 350 promove um conjunto de actividades que pretendem, precisamente, sensibilizar esses decisores para que sejam tomadas medidas que permitam baixar o CO2 existente na atmosfera para 350 partes por milhão (actualmente são 390 partes), valor que ainda permite a reversibilidade da maior parte das alterações climáticas em curso.
Por isso, aderir a esta jornada será um acto que poderá ser importante, tendo em vista a defesa do futuro dos nossos descendentes e da humanidade em geral.
Para conheceres mais pormenores sobre esta iniciativa, vai aqui.

Etiquetas: