ESTA FIRMA FOI FUNDADA EM 31-12-2004.

sexta-feira, junho 10, 2005

ESTOU PRESO NUM QUARTO VERMELHO

Tenho andado às voltas e ainda não consegui sair do quarto vermelho. Se calhar, portei-me mal.
Onde é que estará o raio da 2ª pilha?
Se ninguém me ajudar, ficarei aqui preso durante o fim-de-semana.
Help me! Help me!

quinta-feira, junho 09, 2005

RESUMO DE UM DIA ATRIBULADO

Chego aqui, ao fim do dia, com "uma cabeça" das antigas.
Tinha pensado, hoje de tarde ir ver um filme que já está em exibição há uns tempos. Mas, que, por isto ou por aquilo, ainda não tinha podido visionar.
Almocei mais, cedo, pois, de acordo com o jornal que leio todos os dias, havia uma sessão, no "Arrábida" às 14h30.
O tanas! Quando lá chegeuei, após ter atravessado toda a cidade, a simpática menina da bilheteira, avisou-me que esse filme não tinha hoje, nenhuma sessão a essa hora. Só muito mais tarde. Desisti.
De regresso, por um descargo de consciência, passei por outro CC, porque ontem, ainda se anunciava, no referido jornal, que o dito filme estava em cartaz.
Uma outra bilheteira, igualmente simpática, informou que o filme já não estava em exibição ... há uns tempos.
Vá lá a gente confiar nas informações dos jornais!

quarta-feira, junho 08, 2005

FLORES

Podem não ser as mais belas. Podem não ser as que ficam melhor na fotografia.Podem, nem sequer ser as mais cuidadas.
Mas são as flores do meu jardim,
São as minhas flores.
Por isso são especiais.

Image hosted by Photobucket.com
Image hosted by Photobucket.com
Image hosted by Photobucket.com

terça-feira, junho 07, 2005

UMA VELHA CHARADA ADAPTADA ÀS NOVAS TECNOLOGIAS

Quando era miúdo, conheci uma história que se passava à beira de um rio. Havia um lobo, um coelho e uma couve e um barco. Era preciso passar os 3 seres para o outro lado do rio, mas sem que nenhum destruísse o outro. A solução não era difícil, mas encontrá-la, obrigava a um pequeno raciocínio.
Pois bem. Encontrei, no site de um colega brasileiro, o Jackson Ricardo, uma recriação desta charada, envolvendo canibais e monges.
Experimentem encontrar a solução. É um exercício engraçado.

segunda-feira, junho 06, 2005

ONDE IRÁ PARAR A DESCIDA DA NOSSA AUTO-ESTIMA?

Image hosted by TinyPic.com Não há dia em que não surja, nas manchetes dos jornais ou nos grandes títulos dos noticiários, o anúncio de mais uma medida restritiva, de mais um aumento de preços, de mais uma retirada de um direito.
Bem me parece que, com tudo isto, a auto-estima nacional vai indo pelo cano de esgoto.
Muito embora nos tenham dito que não se iria repetir o discurso "da tanga", o que é certo é que nos aparece um retrato tão dramático do país, que os cidadãos começam a pensar que Portugal não tem solução.
E quando este sentimento se instala, a confiança da população esvai-se e a recuperação torna-se muito mais difícil. Porque se começa a pensar "isto já não vai lá" e então entra-se no reino do "salve-se quem puder"! E cada um a deixar os sacrifícios para os outros e a tentar resolver a sua vidinha.
Onde é que está, então, a mobilização geral para o esforço colectivo de reconstrução da economia? Mas com todos a participar. Não só os "cristos" do costume?
Porque, como dizia um meu amigo esta manhã, eu até estarei disposto a comer palha a todas as refeições, se o meu vizinho também a tiver de comer.Image hosted by TinyPic.com
Agora quando se vê apontar a dedo "culpados" pela situação a que o país chegou, e só a esses é que são retirados os chamados "direitos adquiridos", custa mesmo a engolir! Por mais declarações que se façam a clamar que todos vão ser envolvidos nos tais sacrifícios.
Por isso, repito, será com este clima que se está a instalar, que iremos, de uma vez por todas, sair da crise?
PS -Mais ou menos a propósito, se ainda o não fizeram, não deixem de ir ler este manifesto anti-jardim publicado no "Eroticidades" e da autoria do Encandescente. Está simplesmente genial e delicioso.