ESTA FIRMA FOI FUNDADA EM 31-12-2004.

sexta-feira, outubro 14, 2005

UM JOGO PARA QUEM QUER PASSAR O TEMPO NO EMPREGO

Quando estiveres no escritório, sem vontade de trabalhar, à espera de que as horas passem para dares o cavanço, entretem-te com este jogo do lixo.
Vai atirando bolas de papel para o cesto, tentanto acertar no dito. Mas atenção! Como está calor e a ventoinha está ligada, tens de descontar o efeito do vento.
Vai-te treinando durante o fim de semana, para não ficares mal perante os colegas ou o chefe.
Nota- este jogo também dá para os profes, que agora são obrigados a estar mais tempo na escola, mesmo quando não têm tarefas ou condições para as executar.

quinta-feira, outubro 13, 2005

É UMA CASA PORTUGUESA, COM CERTEZA...

quarta-feira, outubro 12, 2005

SÓ PARA PROFES


Que me perdoem os amigos e amigas de outras áreas, mas o post de hoje é sobretudo dedicado ao pessoal da Educação.
No presente ano lectivo, entraram em vigor muitas medidas que vieram alterar o quotidiano das escolas, dos alunos e dos docentes.
Seria importante conhecerem-se os primeiros reflexos dessa realidade.
Portanto, se és PROFE, deixa aqui o teu relato, o teu testemunho, o teu depoimento.

terça-feira, outubro 11, 2005

SONDAGENS, SÓ DEPOIS DAS ELEIÇÕES...


"Prognósticos só no fim do jogo" terá dito João Pinto num certo dia de particular inspiração.
No Domingo das eleições autárquicas, depois de ter votado, fui abordado à saída por uma jovem que me convidou a repetir a votação, para uma sondagem "à boca da urna".
Logo a seguir, fez o mesmo convite a outro cidadão eleitor. Negou-se. Ouvi a resposta que deu:

-Isto de fazerem sondagens antes do tempo...

Tem razão! Com os resultados desencontrados que as diversas previsões nos vão fornecendo e com os desfasamentos com a realidade a que, muitas vezes, depois assistimos, se calhar é melhor passarmos a fazer as sondagens, depois das eleições!

segunda-feira, outubro 10, 2005

DIZ-ME COMO TE PORTAS...

... dir-te-ei quem és!

Image hosted by Photobucket.com

Isto agora está na moda.
Depois das sanitas e dos frigos, eis que chegam as portas, para contribuirem para a biografia de cada um de nós.
Que virá já a seguir?