ESTA FIRMA FOI FUNDADA EM 31-12-2004.

segunda-feira, outubro 15, 2007

Opiniões...

Monsenhor Luciano Guerra, reitor do Santuário de Fátima, deu uma extensa entrevista à revista NS, que acompanha o JN ao Sábado.
Entre as várias opiniões que expõe, retenho duas, que transcrevo:
"Há o indivíduo que bate na mulher todas as semanas e há o indivíduo que dá um soco na mulher de três em três anos."
Pergunta o jornalista;
"Agressões pontuais justificam um divórcio?"
Responde o Monsenhor:
"Eu, pelo menos, se estivesse na parte da mulher que tivesse um marido que a amava verdadeiramente no resto do tempo, achava que não. Evidentemente que era um abuso, mas não era um abuso de gravidade suficiente para deixar um homem que a amava".

Noutro passo da entrevista.
"A sociedade entendeu que a melhor forma de preservar a paz, no fundo o progresso,foi tirar as mulheres da frente do homens. O perigoso não está nas mulheres, o perigo está nos homens. ...
...Se o homem não se impressiona com a mulher, a mulher não se impressiona com o homem...
...tenho para mim que a falta de aproveitamento dos nossos jovens está na sexualidade, que lhes absorve a atenção, mesmo sem estímulos externos, o principal dos quais é a mulher. Você sabe como é a imaginação de um homem. Ponha agora uma rapariga ao lado e vai ver que ele se distrai mais rapidamente do que com um homem".


Três notas a propósito:
-Preparai-vos, mulheres amadas, para serdes acariciadas com umas "pêras" na fuça, de onde a onde, que esse é um imposto baixo para tanto amor...
-Ó Engº Sócrates afinal anda o senhor tão afobado a acumular medidas para levar o país na senda do progresso... Mas, qual Choque Tecnológico, qual nada... Siga os conselhos do Monsenhor, afaste os homens das mulheres e vai ver como o país avança...
Já pensou em repartições de finanças só com homens ou só com mulheres? Ou tribunais? Ou fábricas? Ou esquadras? Ninguém se distraía... Era só produção!
-Ó Doutora Lurdes Rodrigues: deixe-se lá de matutar mais nas questões do insucesso escolar. Volte mas é ao velho tempo das escolas só pra meninas ou só pra meninos e logo verá que Portugal salta para a cabeça dos indicadores de sucesso inernacionais. Mas, já agora, não se esqueça de pôr vidros foscos nas janelas das escolas e, deixe-se dessa história de pôr computadores nas escolas, porque, afinal, as meninas, "entram" por todos os lados.

Etiquetas:

2 Comments:

Anonymous guiga disse...

Há certas coisas que me surpreendem pela estupidez.
Tantas pessoas que deviam ter voz e dão expressão a outras que não deviam abrir a boca!

Boa semana!*.*

4:03 da tarde  
Blogger Andreia do Flautim disse...

É com mentalidades como as desse senhor que o mundo não avança!

Enfim...

8:13 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home