ESTA FIRMA FOI FUNDADA EM 31-12-2004.

segunda-feira, janeiro 02, 2006

UMA HISTÓRIA (quase) INFANTIL - 5

(continuação)
Episódios anteriores:
- primeiro
- segundo
- terceiro
- quarto
Perante a revolta popular que estava em crescendo, a aristocrática tia moveu as suas influências mais fortes, junto dos que mandam na "defesa da ordem pública".
Era preciso cortar o mal pela raiz.
Então foram destacadas forças de segurança para repor as coisas no seu devido lugar, ali na cozinha do Senhor Peciscas.


Até os guardas se sentiam tocados por aquele amor simples de duas pessoas que, afinal,eram gente do povo, como eles próprios o eram.
Mas, que fazer? Ordens são ordens.
E lá foram aconselhando os populares a retirarem-se dali.
E eles lá continuaram, a caminho do mercado, ainda resmungando e olhando de soslaio.


(continua)